quinta-feira, 19 de julho de 2018

Polícia Militar de Guamaré prende mulher por tráfico de drogas

Operação batizada como LADY DAY, sob o comando do Sargento Jhonny Cruff, com o apoio de vários policiais do destacamento, a policia militar prendeu uma mulher identificada por Dayana dos Santos Freire (24 anos), “Alcunha Princesinha do Tráfico”,  com drogas, tipo maconha, cocaína, balança de precisão, dinheiro fracionado, celular, munição de arma de calibre 32, e papel filme para embalagem do entorpecente, na rua dos invasores após o recebimento de uma denúncia anônima.

Segundo a PM, a denuncia dava-se de conta que a movimentação na casa de Lady Day era intensa, em especial no horário do inicio da noite. Era uma movimentação de usuários que ia comprar a droga, de carros, moto, bicicleta, carroça e até a pé. Mesmo correndo o risco de ser denunciada pelos próprios usuários, Lady não temia qualquer ação da policia que já vinha lhe monitorando.
Quando a policia chegou ao local, ela tentou fugir e sem alternativas acabou se entregando, e com sua permissão, os agentes entraram em sua residência, e encontraram dentro de um deposito de plástico todo material ilícito que foi aprendido.
O Sargento Jhonny Cruff, responsável pela a operação, disse que as denuncias eram muitas na delegacia, disse ainda que o trabalho realizado pelos policiais foi um sucesso, pois foi feito com planejamento e com segurança. Ele classificou como satisfatório o resultado e afirmou que o material apreendido abrirá várias frentes para serem investigados.
Perguntado a razão do nome da operação LADY DAY, o Sargento disse que a acusada usava a sua beleza para atrair alguns clientes, fato narrado pelo o denunciante, então a polícia veio prender a princesa do trafico, como é mais conhecido na rua dos invasores, uma mulher que estava desafiando a Lei.

É isso aí!
Por Guamaré em dia 
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Não somos responsáveis pelos comentários individuais de cada um, portanto escreva com responsabilidade, não insulte os outros e não faça nada que vá de encontro as leis vigentes.